O CAAC no 14º Congresso Nacional das Entidades de Base – CONEB


A União Nacional dos Estudantes – UNE, entidade de representação dos estudantes universitários em âmbito nacional realizou na Universidade Federal de Pernambuco – UFPE o 14º Congresso Nacional das Entidades de Base entre os dias 18 a 21 de janeiro de 2013. Neste espaço estão reunidos os centros e diretórios acadêmicos das universidades e faculdades brasileiras. O encontro teve recorde histórico com a inscrição de mais de 3.500 diretórios acadêmicos (DAs) e Centros Acadêmicos (CAs) de todo o país. Cerca de cinco mil estudantes participaram da plenária para definir os rumos do movimento estudantil para o próximo período.

O Centro Acadêmico Amaro Cavalcanti esteve representado no Congresso, que teve como tema principal “A reforma universitária”. Fruto de muita luta e mobilização dos estudantes brasileiros, importantes vitórias rumo à democratização da universidade foram alcançadas no último período. Um exemplo é a recente aprovação da Lei de Cotas, sancionada pela presidente Dilma Rousseff no dia 19 de agosto, uma conquista da juventude brasileira com o potencial de transformar a cara da universidade.

No primeiro dia do Congresso ocorreu a cerimônia de lançamento da Comissão da Verdade da UNE, que contou com a presença de convidados da Comissão Nacional da Verdade, Comissão de Anistia, Mateus Guimarães, membro do Comitê pela Verdade, Memória e Justiça do DF e sobrinho de Honestino Guimarães. Na oportunidade, o Levante Popular da Juventude, movimento social reconhecido pelos escrachos contra torturadores da ditadura militar, realizou no auditório uma homenagem aos estudantes Honestino Guimarães, estudante raptado por agentes das forças opressoras no Rio de Janeiro e está desaparecido desde 1973 e Helenira Rezende, assassinada durante a guerrilha do Araguaia durante a ditadura militar no Brasil.

Aconteceram também importantes debates em mesas paralelas acerca de diversos temas como o papel da juventude nos rumos políticos do nosso país, o financiamento público das campanhas e a democratização da mídia. A construção da unidade e a necessidade de fortalecer as lutas da juventude foi apontada em todas as discussões, indicando a construção de uma grande jornada nacional de lutas, em março de 2013.

No dia que antecedeu a plenária final, onde são discutidas e votadas as propostas acerca de Conjuntura, Reforma Universitária e Movimento Estudantil, houve um grande debate no Teatro da UFPE que teve como tema “A luta pela Reforma Universitária: do Manifesto de Córdoba aos nossos dias” e que contou com a participação de convidados ilustres como o Ministro da Educação Aloízio Mercadante, a reitora da Universidade de Córdoba – UNC Sílvia Carolina Scotto.

Debate: A luta pela reforma universitária: do Manifesto de Córdoba aos nossos dias

Debate: A luta pela reforma universitária: do Manifesto de Córdoba aos nossos dias

As discussões sobre a educação e a sociedade seguiram o dia 21, em clima de frevo e de maracatu pernambucano, que já anunciam a 8ª Bienal de Arte e Cultura da UNE, que acontecerá de 22 a 26 de janeiro em Olinda e Recife.

Com informações: UNE, Levante Popular da Juventude

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s